Esforço

//Esforço

THE MUBARACK WAY – 07/10/2011
www.mubarack.com.br

ESFORÇO

Nossa sociedade adora gente safada e talentosa. Aqueles caras que na escola são engraçados, que estudam pouco, mas que vão bem nas provas. Aqueles caras que desafiam o sistema, que são rebeldes, mas que são muito “inteligentes”. Já conversei com pais de dois filhos e ouvi a seguinte frase: “O João é muito inteligente, estuda pouco, mas tira notas melhores do que o José, que é apenas esforçado”.
Apenas esforçado? Esta expressão mostra o esforço como sendo uma virtude de “segunda categoria”, uma espécie de prêmio de consolação para quem não tem o dom da inteligência superior! Grosseiro engano. Aqueles pais do parágrafo anterior não sabem o que dizem e nossa sociedade não percebe o mal que causa quando exalta a inteligência e rebaixa o esforço.

O esforço está acima da vitória, do lucro e da inteligência. É um patamar superior de entendimento das coisas na vida. E nunca excluiu a inteligência como ajuda no caminho da vitória e do lucro. Aquele menino que é esforçado é muito mais inteligente do que o preguiçoso apenas “inteligente”. Não se esforçar é um caso grave de burrice, é ignorância atroz. A vida é uma maratona e não é uma corrida de 100 m. Conheço pessoas que têm ótima capacidade para formar frases, facilidade para entender rapidamente uma matéria, mas que têm extrema dificuldade para manter este desempenho por mais de 60 minutos. Estas não servem! Os que eu quero são aqueles que têm boa capacidade de criação e aprendizado, mas que têm excelente aptidão para manter e desenvolver sua performance através da inteligência normal e de esforço acima, muito acima, da média. No médio prazo, estes sabem e fazem acontecer muito mais do que aqueles. Precisamos de continuidade e não de atos isolados. E o mais surpreendente para os leigos: após alguns anos, os “apenas esforçados” adquirem Inteligência, brilhantismo e resultados muito superiores àqueles obtidos pelos “apenas inteligentes”.

O que tudo isto ensina? Você, como gestor, deve cobrar esforço da sua equipe e não resultados. Loucura? Não, lucidez! Cobre extremo esforço da sua equipe e os resultados virão ao natural. O resultado, o batimento da meta, é apenas o efeito. A causa é o esforço. Foque, portanto, a causa. Quem apenas se preocupa com o efeito gera estresse e medo. Quem exige o esforço gera a pressão necessária para impulsionar as pessoas certas (as esforçadas) para a vitória.

Viva a genialidade do E não a mediocridade do OU. Queremos pessoas inteligentes E esforçadas e nunca precisamos escolher entre ser inteligente OU esforçado. Não se coloque este dilema, você não precisa escolher, você precisa apenas saber selecionar. O resto é conversa de gente preguiçosa e despreparada.

Paulo Ricardo Mubarack

2017-08-21T15:33:34+00:00